Acacallis cyanea

O nome deste gênero é uma forma latinizada da palavra de origem grega, Akakallis, que era o nome de uma belíssima ninfa amante de Apolo, deus da juventude e da luz na mitologia grega.

Acacallis é um pequeno gênero descrito por Lindley em 1853, composto por apenas 4 espécies, todas originárias da América do Sul: Brasil, Venezuela, Peru e Colômbia.

As quatro espécies são: Acacallis cyanea, Acacallis fimbriata, Acacallis hoehnei e Acacallis rosariana. Existem ainda duas espécies que estão em processo de avaliação, a Acacallis coerulea e a Acacallis oliveriana. Alguns estudiosos afirmam tratar-se de plantas novas, e outros dizem que ambas possivelmente são a Acacallis fimbriata.

Em todo caso, hoje vou falar da Acacallis cyanea, estupenda planta natural de matas ciliares da Colômbia, Venezuela e, principalmente, Brasil (Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima, Acre e Mato Grosso).

Planta de crescimento simpodial e hábito epífita. Vegeta em florestas com altas temperaturas e muita umidade durante todas as estações do ano. Normalmente pode ser encontrada nas áreas mais alagadiças, como igarapés e igapós, fixada em árvores e bem protegida da luz solar direta, sempre em altitudes entre 100 e 600 metros. É comum em algumas épocas do ano, esta planta ficar completamente submersa.

O nome da espécie deriva do latim, cyaneus, que significa “azul escuro”, “azul intenso”, em referência à cor das flores que, na verdade, tem tons de roxo.

Anteriormente esta planta foi classificada como Acacallis coerulea; Acacallis cyanea f. alba; Acacallis hoehnei; Acacallis oliveriana; Aganisia coerulea; Aganisia cyanea; Aganisia cyanea f. alba; Aganisia oliveriana; Aganisia tricolor; Kochiophyton caeruleum; Kochiophyton coeruleus e Kochiophyton negrense.

Planta de grande porte, com longo e robusto rizoma que pode ter vários metros de comprimento, suportando pequenos, alongados e rugosos pseudobulbos, cobertos por brácteas. Estes bulbos possuem entre 1 e 3 folhas grandes (em torno de 20cm), finas, lanceoladas e nervuradas.

A inflorescência emerge da base dos pseudobulbos. Hastes que superam os 30cm de comprimento, suportando de 3 a 10 flores de aproximadamente 6cm de diâmetro.

As flores da Acacallis cyanea possuem um suave e agradável perfume, e uma combinação espetacular de cores: branco, roxo e lilás alternam tonalidades e formas, proporcionando verdadeiras obras de arte. Um SHOW !!!

Esta planta é muito difícil de ser cultivada no sul e sudeste do Brasil. Somente em estufas bem equipadas e muito controladas, é possível proporcionar as condições de temperatura e umidade constantes, que esta planta exige.

Em todo caso, deixo aqui algumas dicas de cultivo:

  • Pode ser cultivada em cascas e troncos de árvores, ou então em vasos de plástico ou caixetas de madeira.
  • Utilizar substrato confeccionado nas seguintes proporções: 50% de esfagno, 20% de casca de pinus, e 30% de carvão vegetal.
  • Temperatura: 25 a 40 graus de dia, e no mínimo 20 graus durante a noite.
  • 60 a 70% de sombreamento e muita umidade. Aliás, de tanta umidade que esta planta exige, é muito comum o ataque de fungos. Fiquem atentos.

Floresce na primavera e sua floração dura em média 20 dias.

Seguem algumas fotos ilustrativas:

acacallis-cyanea-1

acacallis-cyanea-2

acacallis-cyanea-3

acacallis-cyanea-4

acacallis-cyanea-5

acacallis-cyanea-6

acacallis-cyanea-7

acacallis-cyanea-8

acacallis-cyanea-9

acacallis-cyanea-10

acacallis-cyanea-12

acacallis-cyanea-11

IMAGENS: fonte pesquisa GOOGLE

Se você encontrar alguma foto de sua autoria neste blog, e desejar a remoção, por favor envie um e-mail para  que a mesma seja retirada imediatamente. Obrigado.

Anúncios

8 pensamentos sobre “Acacallis cyanea

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s