Sophronitis brevipedunculata

 

Alguns dias atrás um colega me mostrou uma planta do gênero Sophronitis, sem flor, e queria saber qual era a espécie em questão. Pergunta bem complicada de responder. As plantas deste gênero apresentam características morfologicamente bem similares.

Por coincidência tenho duas plantas deste gênero floridas, e aproveitei para fotografa-las juntas. A da esquerda é uma Sophronitis cernua, e a segunda uma Sophronitis brevipedunculata. Observem como as flores são diferentes e como as folhas e bulbos são parecidos.

IMG_20170506_152415071

Plantas da minha coleção

Foto:  Juan Pablo Heller

Anteriormente neste blog falei da Sophronitis cernua. Então aproveito esta ocasião para abordar a Sophronitis brevipedunculata, uma das mais belas plantas do cerrado brasileiro.

Sophronitis é um pequeno gênero da família Orchidaceae, descrito em 1828 pelo botânico inglês John Lindley (1799 – 1865), e composto por 10 plantas desmembradas do gênero Cattleya.

Em termos etimológicos, o nome deste gênero deriva do grego, sophron, que significa “pequeno”, “modesto”, em referência ao tamanho desta planta comparado com as demais Cattleyas.

Possuem como principais características distintivas o porte pequeno, os pseudobulbos agrupados e a coluna com 8 políneas. O colorido de suas flores é predominantemente vermelho e suas variedades podem possuir tonalidade rosa, amarela, e raramente branca (alba).

São plantas de crescimento simpodial e hábito epífita, ocasionalmente rupícolas, e originárias das regiões nordeste, sul e sudeste do Brasil, norte da Argentina e leste do Paraguai.

A Orquídea do dia é a Sophronitis Brevipenduculata. Maravilhosa planta que tem lugar de destaque em minha coleção. Aliás, sou fascinado por todas as orquídeas deste pequeno e magnífico gênero.

Esta espécie foi descrita em 1972 pelo botânico e zoólogo americano Jack Archie Fowlie (1929 – 1993). Fowlie foi um renomado orquidólogo, e durante muitos anos foi editor da revista especializada Orchid Digest.

Resultado de imagem para Orchid digest

Capa de revista Orchid Digest

Imagem retirada da internet - Site:
http://www.orchiddigest.com/orchid-digest-77-4-cover.html

O nome desta espécie, brevipedunculata, deriva do latim: brevi, que significa “curto”, e pedunculatus, que significa “pedúnculo”, em uma óbvia referência ao tamanho desta parte da planta. (Em botânica, pedúnculo é a região que antecede a flor ou o fruto).

Sinonímia: Cattleya brevipedunculata; Hadrolaelia brevipedunculata; Sophronitis rosea var. brevipedunculata e Sophronitis wittigiana var. brevipedunculata.

É uma planta originária do sudeste brasileiro, com predominância absoluta no estado de Minas Gerais. Normalmente é encontrada vegetando de forma rupícola, fixada em rochas cobertas de musgos e liquens, ou de forma epífita, principalmente fixada em arvores da família Velloziaceae, ou ainda em cactos, em matas abertas localizadas entre 1.300 e 2.000 metros de altitude.

Velloziaceae é uma família botânica composta por aproximadamente 250 espécies distribuídas em 10 gêneros. O hospedeiro preferido pela Sophronitis brevipedunculata é a Vellozia gigantea, popularmente conhecida pelo nome de “canela de ema”, muito comum nos campos rupestres da Serra do Cipó, na Cadeia do Espinhaço, em Minas Gerais.

Resultado de imagem para Vellozia gigantea

Vellozia gigantea

Foto retirada da internet - Site:
https://brasilienexkursion.wordpress.com/2012/03/06/

A Sophronitis brevipedunculata é uma planta de pequeno porte e forma de crescimento simpodial. Possui rizoma compacto e rastejante com pequenos pseudobulbos globulosos, levemente alongados e monofoliados. As folhas são grossas, carnudas e côncavas.

A inflorescência surge do ápice do pseudobulbo. Uma haste floral muito curta suportando uma única flor com tamanho que varia de 4,0 a 7,0cm de diâmetro.

Em termos de formas é uma das flores mais perfeitas da família Orchidaceae. Pétalas mais largas que as sépalas e pequeno labelo, formando um conjunto harmônico. A flor “tipo” é de cor rosa escuro ou vermelha… maravilhosa. Não tem perfume. A beleza das formas e as cores são mais que suficientes para atrair polinizadores. Um verdadeiro show.

Planta fácil de cultivar. Seguem algumas dicas:

  • A melhor forma de cultivar esta planta é fixada em árvores, ou então em rugosas cascas, troncos ou galhos, e com muitas raízes expostas.
  • Se sua opção for cultivar esta planta em vaso ou caixeta, então utilize um substrato confeccionado com partes iguais de casca de pinus, carvão vegetal e pedra brita miúda.
  • Sugiro cultivo com sombreamento em torno de 50%.
  • Suporta temperaturas entre 10 e 35 graus. Sugiro protegê-la do frio nos dias mais rigorosos do inverno.
  • Precisa de muita umidade, boa drenagem da água, e boa ventilação.
  • Sugiro ainda reduzir o volume das regas após a floração, durante o inverno.

Floresce entre os meses de abril e junho e, com certa frequência floresce mais de uma vez por ano. Cada floração dura em média 3 semanas.

Seguem algumas imagens ilustrativas:

IMG_20170505_181112834

Planta de minha coleção

Foto:  Juan Pablo Heller

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
http://www.orchid-nord.com/s_page/Sophronitis_brevipedunculata/soph_brev.htm

Foto retirada da internet - Site:
http://www.orchid-nord.com/s_page/Sophronitis_brevipedunculata/soph_brev.htm

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
http://bluenanta.com/natural/374582/species_detail/

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
http://www.orquideashop.com.br/sophronitis/sophronitis-brevipedunculata/

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
www.flickr.com/photos/kelen/4705039602

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
br.pinterest.com/pin/228065168609277215/

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
http://orchidee.su/Orchids-on-the-blocks?product_id=233

Resultado de imagem para sophronitis brevipedunculata

Foto retirada da internet - Site:
http://picssr.com/photos/37617445@N07/favorites/page66

 

IMAGENS: fonte pesquisa GOOGLE

Este blog é dedicado a pessoas que, como eu, amam e cultivam orquídeas. Meu objetivo com este trabalho é conhecer pessoas, divulgar e trocar informações sobre estas plantas.

É uma atividade amadora e sem fins lucrativos.

Se você encontrar alguma foto de sua autoria neste blog, e desejar a remoção, por favor envie um e-mail para  que a mesma seja retirada imediatamente. Obrigado.

 

IMAGES: GOOGLE search

This blog is dedicated to people who, like me, love and cultivate orchids. My goal with this job is meeting people, disseminate and exchange information on these plants.

It’s a non-profit non-professional activity.

If you find any of your images in this blog, and want it to be removed, please send me an email that I’ll do it immediately. Thank you.

 

 

 

 

 

 

Anúncios

2 pensamentos sobre “Sophronitis brevipedunculata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s