Miltoniopsis vexillaria

 

Miltoniopsis vexillaria

O gênero Miltoniopsis é composto de aproximadamente 6 espécies, todas originárias das zonas elevadas dos Andes da Colômbia, Panamá, Costa Rica, Equador e Venezuela. São conhecidas como “Orquídeas amor-perfeito”, devido à sua semelhança com a flor de jardim com esse nome.

Resultado de imagem para flor amor perfeito

Flor “amor perfeito”

As flores de Miltoniopsis são de uma beleza ímpar, com cores vibrantes e variadas, e desenhos impressionantes.

O nome do gênero procede da união do nome do gênero Miltonia, com a latinização da palavra grega opsis, que significa “parecido”, aludindo à sua semelhança com o gênero Miltonia.

A principal diferença com relação às Miltonias, esta na temperatura de cultivo. As Miltoniopsis preferem climas mais frios. Afinal, a maior parte delas é natural da gelada Cordilheira do Andes.

Resultado de imagem para neve gif animado

As seis espécies deste espetacular gênero são:

  • Miltoniopsis bismarckii
  • Miltoniopsis phalaenopsis
  • Miltoniopsis roezlii
  • Miltoniopsis santanaei
  • Miltoniopsis vexillaria
  • Miltoniopsis warscewiczii

As Miltoniopsis que encontramos em orquidários, floriculturas e exposições, são quase na totalidade plantas híbridas. Apesar disto vamos ao estudo da planta do dia, a Miltoniopsis vexillaria, um show de orquídea.

Miltoniopsis vexillaria foi descoberta em 1867, pelo coletor de plantas escocês David Bowman (1838 – 1868).

Anteriormente esta planta foi classificada como Miltonia vexillaria; Miltonia vexillaria var. leopoldii; Miltonia vexillaria var. rubella; Miltonia vexillaria var. stupenda e Odontoglossum vexillarium.

É originária das encostas da Cordillera Occidental (local de menores elevações dos ramos da Cordilheira dos Andes colombianos), e das florestas montanhosas e úmidas do Equador, em altitudes entre 1000 e 2200 metros. Os principais centros de dispersão são Antioquia, Risaralda e Valle del cauca, todos na Colômbia.

miltoniopsis-vexillaria-montanha

Cordillera Occidental

Planta de médio porte com rizoma compacto, raízes velamentosas e pseudobulbos elípticos e monofoliados. Da base destes bulbos brotam brácteas lanceoladas de mesmo porte e formato da folha. Magníficas inflorescências de até 30cm de comprimento suportando até 4 flores de aproximadamente 9cm de diâmetro.

Estas flores são grandes, planas, duráveis e perfumadas. Apresentam muitas variações de cores, porém a flor “tipo” tem pétalas e sépalas cor de rosa. No labelo predomina a mesma cor, mas o centro é pintado de branco, laranja e amarelo. Um SHOW.

A maioria dos colecionadores e admiradores de orquídeas que conheço, afirmam que esta planta é difícil de cultivar. Elas são compradas com flores lindas e chamativas, mas não florescem nos anos seguintes. Eu tive sucesso no cultivo com as seguintes regras, que deixo aqui como dicas:

  • Trocar o substrato desta orquídea anualmente, sempre ao término da floração. Esta e as demais plantas do gênero Miltoniopsis não toleram substrato deteriorado, que eleva o grau de acidez do pH.
  • Utilize vasos rasos e pequenos. Como a maioria das orquídeas, as Miltoniopsis gostam de locais apertados, onde podem se fixar bem e rapidamente.
  • Recomendo o mesmo substrato utilizado em plantas de raízes e folhas finas: uma mistura de casca de pinus, com carvão vegetal e esfagno, sob uma camada de pedra brita para melhorar a drenagem.
  • Esta planta é nativa de regiões altas e frias. Sugiro cultivo com temperaturas entre 0 e 30 graus. Cuidado com calor excessivo: temperaturas superiores ao valor citado podem danificar severamente a planta.
  • Ainda, em seu habitat, a Miltoniopsis vexillaria está acostumadas a névoas constantes e a incidência de luz difusa. Sugiro uma boa sombra, algo em torno de 60%. Folhas avermelhadas ou amareladas são claro sinal de luz em excesso.
  • Pode ser dividida cortando o rizoma, deixando sempre pelo menos 3 bulbos em cada parte.

A floração dura em torno de 20 dias, e em geral floresce no começo de maio. Por este motivo a Miltoniopsis vexillaria é muito utilizada como presente para o dia das mães.

Seguem algumas fotos,

miltoniopsis-vexillaria-1

miltoniopsis-vexillaria-2

miltoniopsis-vexillaria-3

miltoniopsis-vexillaria-4

miltoniopsis-vexillaria-5

miltoniopsis-vexillaria-6

miltoniopsis-vexillaria-9

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

miltoniopsis-vexillaria-11

miltoniopsis-vexillaria-12

Miltoniopsis vexillaria “tipo”

miltoniopsis-vexillaria-var-alba

Miltoniopsis vexillaria var. alba

IMAGENS: fonte pesquisa GOOGLE

Se você encontrar alguma foto de sua autoria neste blog, e desejar a remoção, por favor envie um e-mail para  que a mesma seja retirada imediatamente. Obrigado.

 

 

Anúncios

4 pensamentos sobre “Miltoniopsis vexillaria

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s