Zygostates lunata

 

Hoje vou falar de uma planta pertencente ao último gênero do alfabeto.

O nome deste gênero deriva do grego: zygostates, que significa “balança”, em referência às projeções da base da coluna que lembram este instrumento de medição.

Trata-se de um pequeno gênero composto por aproximadamente 20 espécies de micro-orquídeas, todas de hábito epífita e crescimento simpodial, originárias de toda a América do Sul, sendo o Brasil o principal centro de dispersão, e onde ocorrem todas as espécies.

A orquídea do dia é a simpática Zygostates lunata. Mais uma planta que adoro e que ocupa lugar de destaque em minha coleção.

O nome desta espécie deriva do latim, lunata, cuja tradução seria “como a lua”, em relação aos apêndices da flor que se assemelham com uma lua crescente.

Esta planta é natural das florestas úmidas das encostas e baixadas litorâneas, sendo originárias das regiões sul e sudeste do Brasil, onde vegeta fixada em árvores e arbustos, normalmente em pequenos galhos cobertos de musgo.

Anteriormente esta planta foi classificada como Dactylostylis fimbriata; Epidendrum trilabiatum e Ornithocephalus navicularis.

Planta de pequeno porte, com rizoma curto e pequenos pseudobulbos que suportam folhas aplanadas. Possui inflorescência basal com aproximadamente 15cm de comprimento, suportando até 30 pequenas e simpáticas flores de aproximadamente 0,8cm de diâmetro.

A flor é uma verdadeira homenagem ao Brasil. Uma perfeita e harmoniosa combinação de branco, amarelo e verde. Só faltou o azul para completar nossa bandeira.

Seguem algumas dicas para cultivo:

  • Tentando imitar a natureza, sugiro o cultivo desta planta fixada em pequenos galhos de árvores e arbustos, com uma boa exposição de raízes. Vai muito bem em galhos de abacateiros, romãzeiras, laranjeiras, pitangueiras e goiabeiras.
  • Se sua opção for cultivo em vaso ou caixeta, então utilize um substrato confeccionado com partes iguais de casca de pinus, carvão vegetal e esfagno.
  • Cuidado com água acumulada no fundo. O substrato deve ser arejado e drenar a água imediatamente.
  • Sugiro cultivo com 60 a 70% de sombreamento, e temperaturas entre 0 e 35 graus.

Floresce normalmente no final do outono e sua floração dura em torno de 20 dias.

Seguem algumas fotos:

 

zygostates-lunata1

 

zygostates-lunata2

 

zygostates-lunata3

 

zygostates-lunata4

 

zygostates-lunata5

 

zygostates-lunata6

 

zygostates-lunata7

 

zygostates-lunata10

 

zygostates-lunata11

 

zygostates-lunata12

 

zygostates-lunata13

 

zygostates-lunata14

IMAGENS: fonte pesquisa GOOGLE

Se você encontrar alguma foto de sua autoria neste blog, e desejar a remoção, por favor envie um e-mail para  que a mesma seja retirada imediatamente. Obrigado.

 

 

Anúncios

4 pensamentos sobre “Zygostates lunata

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s